Projeto Barra do Choça Digit@l

Em comemoração ao cinquentenário do município, a Prefeitura de Barra do Choça, através do Departamento de Tecnologia da Informação lança o Projeto Barra do Choça Digital. O Projeto está sendo viabilizado com recursos próprios das secretarias envolvidas. É importante destacar que a Secretaria de Educação apadrinhou o Projeto, destinando mais de 60% dos recursos investidos.

 O projeto começou a ser elaborado e implementado em 2009. É dividido em vários subprojetos, que abrange desde a construção de uma infovia municipal (base para as demais iniciativas) a sistemas de gestão escolar, da saúde, telefonia IP, monitoramento urbano, dentre outros.

 Atualmente, 36 unidades públicas, que incluem escolas, creches, almoxarifados, hospital, sede das secretarias e prefeitura, estão interligadas através de uma rede sem fio de alta disponibilidade que opera na frequência de 5,8 GHz.

Além da sede do município, existem pontos de acesso no Distrito de Barra Nova, no Povoado Boa Vista e na Região do Sossego. Todas as unidades públicas conectadas já usufruem do acesso a Internet e da telefonia IP (Ramais VoIP), além de alguns sistemas web.

Segundo Danilo Alves, diretor do Departamento de Tecnologia da Informação, recentemente a Secretaria de Educação adquiriu novos equipamentos de rede sem fio, visando modernizar a infra-estrutura existente e expandir a rede wireless para atender outras comunidades da zona rural do município. “Estamos realizando estudos de viabilidade para implementação de pontos de acesso e ramais VoIP no Povoado Cafezal, no Cangussú, no Santo Antonio I e Muritiba”, acrescentou Danilo.

Cabe destacar que já existem 10 pontos de acesso livre a rede sem fio (Hotspot WiFi) nos quais qualquer cidadão usando um notebook, tablet, smartfone ou celular pode ter acesso a Internet, são eles: ACM, CEBC, Francisco Amorim, Téodulo Leite, Maria da Glória, Adeliêta Ramalho (Escolas na sede do município) e CEBN, José Amorim, Manoel Ramos e Josenildo Leite (Escolas na zona rural).

Modernização da Telefonia

Os primeiros passos para a modernização da telefonia foram dados desde Junho de 2010, quando foram implantadas as primeiras linhas VoIP para originar ligações. A utilização do VoIP gerou uma redução superior a 60% nas contas telefônicas, uma vez que as linhas fixas passaram a ser usadas principalmente para receber ligações.

Gradativamente todas as centrais telefônicas convencionais foram substituídas por Servidores Linux com Asterisk – PABX IP.  O Asterisk, além de possuir todas as funcionalidades de um PABX convencional, permite a integração da telefonia com a rede de dados (sistema de computadores), oferecendo maior escalabilidade, robustez, flexibilidade e facilidade de gerenciamento. É possível implementar uma URA (Unidade de Resposta Audível), realizar gravações das ligações, gerar relatórios com detalhamento das chamadas, serviço de caixa postal, conferências de voz, instalar ramais remotos e uma série de outras funcionalidades.

O próximo passo será a implantação de um digitronco com 50 ramais digitais que possibilitará aos cidadãos realizarem a discagem direta (sem a necessidade de intervenção da telefonista) para diversas unidades públicas, tais como: Departamento de Licitações, Central de Marcação e até mesmo uma escola na zona rural.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *