Alunos da Escola Josenildo Leite participam do Projeto Saúde e Prevenção nas Escolas

SAM_5316

Na última quarta-feira, dia 17 de setembro, os alunos do oitavo ano da Escola Municipal Professor Josenildo Leite, no Povoado Boa Vista, participaram de mais uma atividade do Projeto Saúde e Prevenção nas Escolas (SPE), uma das ações do Programa Saúde na Escola (PSE), que tem a finalidade de contribuir para a formação integral dos estudantes da rede pública municipal de Barra do Choça por meio de ações de prevenção, promoção e atenção à saúde.

A proposta do projeto é realizar ações de promoção da saúde sexual e da saúde reprodutiva de adolescentes e jovens, articulando os setores de saúde e de educação. Com isso, espera-se contribuir para a redução da infecção pelo HIV/DST e dos índices de evasão escolar causada pela gravidez na adolescência (ou juvenil), na população de 10 a 24 anos.

Com o tema bullying, os alunos do oitavo ano, supervisionados pela professora Luana Neres, foram mediadores de uma roda de conversa com todas as turmas da escola. A atividade ocorreu no último horário e promoveu a visita a todas as outras turmas. Os alunos, divididos em grupos juntamente com os professores, mediaram a conversa e esclareceram algumas dúvidas. O resultado foi muita interação e debates enriquecedores.

Em Barra do Choça, a temática do bullying vem sendo trazida para que todas escolas que tenham turmas do 6º ao 9º ano estejam atentas à questão da cultura de não-violência.

O SPE tem como base de suas ações a integração entre saúde e educação. Esta proposta resulta da parceria entre o Ministério da Educação, o Ministério da Saúde, a Organização das Nações Unidas para a Educação (Unesco), o Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) e o Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA), na perspectiva de transformar os contextos de vulnerabilidade que expõem o adolescente e o jovem à infecção pelo HIV/aids a outras doenças de transmissão sexual e à gravidez não planejada, reconhecendo-se sujeito integral como foco das diversas políticas públicas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *